ENQUETE: Que hino você prefere para ser o Hino de Brasília?

A vice-presidente da Câmara Legislativa, deputada distrital Liliane Roriz, lançou uma nova discussão: quer saber da população do Distrito Federal, que hino ela prefere para ser o Hino oficial de Brasília.

Segundo a parlamentar, conhecer e cantar o Hino da cidade, sendo esta a Capital Federal, é muito importante e deve ser incentivado por pais, professores e até mesmo pelo Estado. Contudo, o hino tido como “oficial” é pouco conhecido enquanto outro hino, bastante conhecido pela população, não é considerado oficial. “Por isso, a população deve se manifestar e dizer que hino prefere”, explica Liliane.

O canto reconhecido por decreto do ex-presidente João Goulart, em julho de 1961, tem letra de Geir Nuffer Campos e música de Neusa Pinho França Almeida, e é considerado o oficial. Foi apresentado pela primeira vez, em maio de 1960, na inauguração do Caseb, com a presença de JK. O outro que entraria na disputa seria o mais conhecido: Brasília Capital da Esperança. Este foi criado por Capitão Furtado, com melodia de Simão Neto.

“O que pretendo não é levantar polêmica para simplesmente mudar o hino, mas ouvir a população e deixar que ela decida qual deles deve ser reconhecido como o Hino oficial de Brasília”, ressalta Liliane Roriz. Segundo ela, uma ideia seria fazer um referendo para consultar a população.

Leia, abaixo, as letras dos dois hinos:

Hino oficial de Brasília

(Letra de Geir Nuffer Campos e música de Neusa Pinho França Almeida)


Todo o Brasil vibrou

E nova luz brilhou

Quando Brasília fez maior a sua glória!

Com esperança e fé

Era o gigante em pé

Vendo raiar outra Alvorada em sua História!



I



Com Brasília no coração

Epopeia surgiu do chão

O candango sorri feliz

Símbolo da força de um país



II



Capital de um Brasil audaz

Bom na luta, melhor na paz

Salve o povo que assim te quis

Símbolo da força de um país!



Brasília – Capital da Esperança

(Letra: Capitão Furtado e música de Simão Neto)



Em meio à terra virgem desbravada

na mais esplendorosa alvorada

feliz como um sorriso de criança

um sonho transformou-se em realidade

surgiu a mais fantástica cidade

“Brasília, capital da esperança”



Desperta o gigante brasileiro

desperta e proclama ao mundo inteiro

num brado de orgulho e confiança:

nasceu a linda Brasília

a “capital da esperança”



A fibra dos heróicos bandeirantes

persiste nos humildes e gigantes

que provam com ardor sua pujança,

nesta obra de arrojo que é Brasília.

Nós temos a oitava maravilha

“Brasília, capital da esperança.”

COMENTE ABAIXO:


Google Plus

Por Movimento dos Comunicadores do Brasil

DF 24 Horas

0 comentários DF24HORAS:

Postar um comentário