Câmara Legislativa inaugura Laboratório Hacker aberto à comunidade

Foi inaugurado no último dia (7704) na Câmara Legislativa o Laboratório Hacker de Inovação (Labhinova), um espaço aberto à comunidade e dedicado a criar novas formas de acessar informações geradas pelo Legislativo local


O presidente da Casa, deputado Joe Valle (PDT), enfatizou a importância da inovação e da realização de parcerias com a comunidade hacker do Distrito Federal. "A Câmara criou um espaço inovador, aberto e livre. Queremos atrair jovens inquietos e criativos para melhorar o acesso da sociedade ao enorme volume de informações que produzimos", explicou.

A cessão de um espaço próprio para abrigar o laboratório está em sintonia com experiências inovadoras de outros órgãos públicos, como a Câmara dos Deputados. "O Poder Legislativo está se reinventando, buscando maior aproximação com a sociedade. Desse projeto, surgirão aplicativos e outros sistemas que facilitarão o acesso à base de dados, mas o principal benefício de uma iniciativa como essa é a criação de uma rede de colaboração com a sociedade", afirmou Cristiano Ferri, funcionário responsável pelo Laboratório Hacker da Câmara dos Deputados.

A sala do Labhinova já está aberta, de segunda a sexta, das 8h às 19h. O espaço, que funciona na Praça do Servidor da Câmara Legislativa, ao lado da agência dos Correios, possui dois computadores, além de diversos cabos de energia e rede sem fio para uso de notebooks, tablets e celulares. No local, um servidor público da Câmara Legislativa fará o atendimento a todos os que desejarem utilizar o local para realizar pesquisas e levantamentos de informações. 

Colaborativo – Laboratórios hackers, como o já existente na Câmara dos Deputados - e que vai acompanhar o início dos trabalhos na CLDF -, estão em constante parceria com outros órgãos que desenvolvam iniciativas semelhantes para trocas de experiências entre parlamentos e sociedade civil, com aporte de ideias e inteligência coletiva para construção de novos projetos e soluções.
Google Plus

Por Paulo Melo

DF 24 Horas

0 comentários DF24HORAS:

Postar um comentário