Cidades Limpas recupera praças públicas do DF

No Riacho Fundo I é feita a poda de árvores, e haverá melhorias na iluminação pública. Em Taguatinga, três espaços receberam intervenções do programa

Programa Cidades Limpas faz revitalização da praça da CNC 1, em Taguatinga. Foto: Gabriel Jabur.

No Riacho Fundo I desde o início da semana, a força-tarefa do Cidades Limpas trabalha na poda de árvores da Praça Ayrton Senna, na QS 14. Esse é um dos locais beneficiados nesta 17ª edição do programa, articulado pela Secretaria das Cidades.

A praça, de acordo com a pasta, já recebeu serviços de limpeza e roçagem, e receberá ainda melhorias na iluminação pública, que incluem a troca de lâmpadas queimadas.

Da porta de casa, o aposentado Albino Afonso da Silva, de 76 anos, observava atento o trabalho das equipes na manhã desta quarta-feira (28). “Já tinha galho tocando a iluminação e os fios de energia”, contou ele, ao falar sobre a necessidade do serviço.

A segurança foi outro ponto destacado pelo morador. Ele relatou que a copa das árvores era comumente utilizada como esconderijo.
Programa foi criado para melhorar ambiente urbano

Em Taguatinga, por onde o programa passou entre os dias 5 e 23 deste mês, uma das demandas de comerciantes e moradores era a revitalização da praça da CNC 1. Já foram feitas podas de árvores, troca de lâmpadas queimadas e marcação de vagas de estacionamento.
"Um grande desafio a ter em mente: não basta só limpar, tem que ter o hábito de conservar"Marcos Dantas, secretário das Cidades

Na manhã de hoje, a vendedora Isa Alves, de 27 anos, passava pelo local com a filha Sophia, de 4 anos. A menina não escondia a alegria ao ver que trabalhadores trocavam a areia do parquinho. “Muito bom! No fim da tarde é lotado. Vai melhorar bastante!”, destacou a mãe.

Ela contou que mora nas proximidades da praça há cerca de um ano. A quadra poliesportiva do local também recebe melhorias.

Ainda em Taguatinga, em maio, houve a revitalização da praça do Mercado Norte, próxima ao Taguacenter, com intervenções na iluminação pública, poda de árvores e recuperação de parquinhos. Nos arredores, houve demarcação de vagas de estacionamento, serviço de tapa-buracos e recuperação da sinalização pública.

Já na QNA 14, em parceria do governo de Brasília com um shopping da região, a Praça do Coreto recebeu melhorias. Antes abandonado, o local recebeu iluminação nova, e os bancos, as mesas de concreto e o coreto, que estavam quebrados, foram recuperados. O meio-fio também foi refeito e as vagas de estacionamento próximas foram delimitadas.

As benfeitorias, de acordo com o secretário das Cidades, Marcos Dantas, são planejadas a partir dos pedidos da comunidade. “Essas demandas vêm da população. É feito levantamento pela ouvidoria, a gente faz o planejamento e vai a campo”, explicou.

Ele destacou que as demandas são constantes e, independentemente do Cidades Limpas, há a manutenção de rotina nas regiões. “Um grande desafio que a gente tem que ter em mente: não basta só limpar, tem que ter o hábito de conservar”, disse, ao destacar o papel de todos nesse processo.

Lançado em novembro do ano passado, o Cidades Limpas já passou pelas regiões do Gama, Itapoã, Paranoá, Estrutural, Planaltina, São Sebastião, Brazlândia (duas vezes), Ceilândia (duas vezes), Guará, Sobradinho, Sobradinho II, Taguatinga, Fercal, Vila Planalto e Samambaia.
Google Plus

Por Movimento dos Comunicadores do Brasil

DF 24 Horas

0 comentários DF24HORAS:

Postar um comentário