Hélio José critica planejamento da infraestrutura energética

Em discurso no Plenário nesta segunda-feira (17), o senador Hélio José (Pros-DF) cobrou planejamento nas obras de infraestrutura, especialmente na produção e distribuição de eletricidade, e salientou seus esforços para suprir as regiões carentes de energia com o aproveitamento de fontes de baixo impacto ambiental

Foto: Roque de Sá/Agência Senado.
O parlamentar lembrou que, ainda em 2015, mostrou que o investimento na usina de Belo Monte resultaria em linhas de transmissão caras e uma capacidade energética muito baixa no período de seca. Hélio José acusou o governo da época de ter cedido ao lobby das usinas termelétricas ao rejeitar a proposta de investimento de R$ 20 bilhões de reais em fontes alternativas de energia.

— Com a metade daquele investimento feito em Belo Monte, com aquele grande impacto ambiental, com apenas, portanto, R$ 20 bilhões, nós colocaríamos energia limpa nas pontas — afirmou.

Hélio José também lamentou a decisão do governo de não realizar no Brasil a conferência ambiental COP-25 no próximo ano. Ele espera que o evento, a ser realizado no Chile, tenha uma participação importante do Brasil e sirva para o país reafirmar seus compromissos de preservação do meio ambiente.
Google Plus

Por Paulo Melo

DF 24 Horas

0 comentários DF24HORAS:

Postar um comentário