Estão abertas as inscrições para XIII Conferência de Assistência Social do DF

Evento tem como tema “Assistência Social Direito do Povo, com Financiamento Público e Participação Social” e é preparatório para a conferência nacional, também em Brasília
Interessados em participar da XIII Conferência de Assistência Social do Distrito Federal, em 20 e 21 de novembro, podem fazer as inscrições pelo site www.sedes.df.gov.br ou por meio dos links abaixo. Qualquer um pode participar do evento, a ser realizado na Câmara Legislativa do DF. Porém, há uma diferenciação no momento de fazer a inscrição.

É preciso escolher a condição em que se participará do evento: participante, observador e convidado. O primeiro caso é voltado para os usuários dos serviços, os trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social e representantes de entidades desse setor no DF. Já observador é qualquer um que se interesse pelo assunto. Os convidados são aqueles previamente comunicados pelo Conselho de Assistência Social (CAS) sobre essa condição.

As conferências de assistência social ocorrem a cada dois anos. A edição de 2017 contou com quase 350 participantes. Neste ano, o tema é Assistência Social Direito do Povo, com Financiamento Público e Participação Social, e a organização espera um público ainda maior.

Responsável pela realização do encontro, o CAS destaca que a escolha do tema tem o objetivo de mostrar a importância do direito à assistência social e o quanto isso causa melhorias na vida da população. Reconhecer a importância da assistência social é primordial para o enfrentamento das desigualdades e isso se reflete como bem-estar para toda a sociedade brasiliense.

Outra meta é chamar a atenção para a importância do financiamento público dessa política, e que ela precisa ser vista cada vez mais como um investimento social. Por fim, a ideia também é fomentar a participação social, dar voz a pessoas, principalmente àquelas em condição de pobreza e violação de direitos que precisam ter suas demandas ouvidas e encaminhadas.

Por esse motivo estão previstos vários momentos de fala para as cidadãs e os cidadãos. Terá um diálogo aberto a todos os participantes com provocações trazidas por palestrantes. Em outro instante haverá rodas de conversas. Nessa atividade são montados grupos menores para discutir os impactos da condição atual da assistência social na vida da população. Dessas reuniões que saem propostas de melhorias para a política.

Dentro da programação está prevista a palestra Assistência Social: direito a quê? E para quem?, com Priscilla Maia Andrade, professora do curso de Serviço Social da Universidade de Brasília (UnB).

O evento é preparatório para a Conferência Nacional, que também ocorre em Brasília, em 25 e 26 de novembro, no Auditório da Associação dos Docentes da UnB, na própria universidade.

De acordo com o CAS, as diretrizes da assistência social vêm majoritariamente do Governo Federal. É importante cada estado e município discutir suas propostas específicas, previamente, para levar as contribuições pertinentes à sua realidade para a construção nacional da Política de Assistência Social.

A conferência resultará em propostas para a assistência social do DF que devem ser executadas nos próximos dois anos. Por isso é importante ampliar e democratizar a participação neste espaço tão rico.

Inscrições:
Convidado

Observador

Participante
Google Plus

Por Paulo Melo

DF 24 Horas

0 comentários DF24HORAS:

Postar um comentário